Diga as palavras mágicas!

Palavras Mágicas

Você já sabe porque vai criar um blog, e para quem vai falar… Mas já parou para pensar em como você quer ser percebido? Você pode montar um blog descontraído, alegre, profissional, profundo – as palavras são mágicas, e podem lhe ajudar a soar exatamente como você quer: basta escolhe-las com cuidado.

Pense nos blogs que você segue a admira. Qual a impressão o autor lhe passa? De ser uma pessoa séria e competente? Leve e divertida? Gênio forte? Metódico? E você: como que ser percebido quando as pessoas acessarem seu blog? Lembre-se que, você pode decidir isso até certo ponto, pois, no final das contas você deve soar como você é. Primeiro porque as pessoas sentem quando algo está soando “estranho”. E em segundo lugar, porque montar um blog e publicar regularmente já é trabalho suficiente, sem que você tenha que fazer de conta que é outra pessoa quando escreve.

A pesquisadora Sally Hooshead, sabe disso. Em seu site, “How to Fascinate“, ela disponibiliza parte de sua pesquisa e um teste (pago) para identificar qual o arquétipo da sua personalidade. Segundo ela, todos nós apresentamos uma forma de nos comunicar que é mais natural e adequada, a verdadeira maneira pela qual fascinamos os outros, que é o resultado da combinação de duas características básicas. Por exemplo, no meu caso a minha característica primária é “Atenção” (tento prevenir problemas com cuidado) e a secundária é “Prestígio” (eu valorizo e respeito altos padrões de desempenho) — e pela união dessas características, o meu arquétipo é o do “Editor-Chefe” (produtivo, atento aos detalhes e habilidoso). Porém a ideia aqui não é encher a minha bola – mas perceber padrões no conteúdo que eu gosto de consumir, e na forma com a qual eu tento me comunicar. Com essas características em mente, eu já sei o que eu valorizo e considero fundamental.

Arquetipos de Fascinação
Fonte: How to Fascinate (http://www.howtofascinate.com/the-fascinate-system/The-49-personality-archetypes)

Mesmo que você não possa investir em um teste como esse agora, é interessante ler um pouco mais sobre a pesquisa ou mesmo o livro sobre a pesquisa (Fascinate: Your 7 Triggers to Persuasion and Captivation).

Por hora, uma maneira de ter mais clareza sobre a voz do seu blog, é pensar nas palavras mágicas que quer ver relacionadas a ele. Quando você pensa na impressão que quer passar para as pessoas, o que vem à mente? Liste, por exemplo, 05 palavras-chave que resumam o seu objetivo, por exemplo:

  • Interessante.
  • Divertido.
  • Leve.
  • Bem-humorado.
  • Criativo.

E liste também, 05 palavras-chave que você não quer que tenham nada a ver com o seu blog, por exemplo:

  • Enfadonho.
  • Engessado.
  • Repetitivo.
  • Superficial.
  • Chato.

Se você tentar relacionar o que considera ideal, com aquilo que você tenta evitar, por exemplo, como em uma equação, verá que ainda é possível ser mais preciso sobre o que você procura. Veja só:

  • Interessante – Repetitivo = original.
  • Leve – Superficial = seguro de si.
  • Divertido – Engessado = fluído.
  • Bem-humorado – Chato = positivo.
  • Criativo – Enfadonho = prático.

Bem, essas são as minhas definições – talvez você não veja a relação entre os meus termos, mas com certeza entenderá quando forem as suas equações no papel. Isso lhe oferecerá um guia a partir do qual analisar seus textos e publicações, para ver se aquilo que você escreve reflete mesmo a voz que você quer dar ao seu blog. Isso se torna ainda mais importante se a publicação for um esforço coletivo – com vários autores – e você quer que todos soem da mesma maneira.

E então? Que tal pegar papel e caneta e pensar um pouco sobre as suas palavras mágicas. Você verá que elas, no mínimo, abrem as portas da atenção.

Esse artigo é uma prévia sobre o que será discutido sobre voz e identidade no livro “Com o Blog na Rua: Planejamento estratégico de conteúdo para não deixar seu blog morrer por falta de ideias, inspiração e posts”, que será público em 21 de Outubro de 2015. Se você tem alguma dúvida específica sobre o assunto, ou quer ser avisado sobre o lançamento do livro, deixe seu comentário.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *